Oração a São José para aprendermos a ter mais ternura

O Papa Francisco propôs uma nova oração a São José para todos aqueles que querem aprender a amar com ternura

Aternura não é “uma questão de emoção ou sentimento”, mas “a experiência de se sentir amado e acolhido […] em nossa pobreza e nossa miséria”, assegurou o Papa Francisco durante a audiência geral de 19 de janeiro de 2022.

Francisco lembrou que aceitar receber ternura não é fácil. Requer alguma abnegação. Da mesma forma, aceitar a ternura de Deus é colocar o coração em Suas mãos e consentir em deixar-se moldar em um coração de carne.

Por isso, o Papa Francisco convidou todos a “refletir-se” na paternidade de São José para deixar que Deus “nos ame com sua ternura, transformando cada um de nós em homens e mulheres capazes de amar”. Ao final da audiência, Francisco convidou os fiéis a dirigir esta prece ao pai adotivo de Jesus:

“São José, pai na ternura,
ensinai-nos a aceitar que somos amados precisamente naquilo que é mais débil em nós.
Concedei que não coloquemos qualquer obstáculo
entre a nossa pobreza e a grandeza do amor de Deus.
Suscitai em nós o desejo de nos aproximarmos do Sacramento da Reconciliação,
para que possamos ser perdoados e também que nos tornemos capazes de amar com ternura os nossos irmãos e irmãs na sua pobreza.
Estai próximo daqueles que erraram e que pagam o preço por isso;
ajudai-os a encontrar, juntamente com a justiça, a ternura para recomeçar.
E ensinai-lhes que a primeira maneira de recomeçar
é pedir sinceramente perdão, para sentir a carícia do Pai. Amém.”

Fonte: Aleteia

Rolar para cima